Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2006

Quero

Quero
lavar meu rosto,
tirar as poeiras deste dia
para ver as belezas de amanhã.
Quero
sentir o gosto
e o prazer desta magia,
de começar, tranqüilamente,
tudo de novo,
como eu queria.
Quero
molhar meus pés,
na lágrima do orvalho
para deixar no chão
as marcas do que sou capaz.
Quero
amar o mundo,
estar, constantemente, em paz.
comer o pão do meu próprio sacrifício,
desafiar os mistérios do futuro.
Quero
doar meu corpo,
sem nenhum artifício,
no sentido mais profundo,
mais leal,
mais puro.

sinto-me:
tags: ,

publicado por picarota310172 às 15:43
link do post | comentar | favorito
1 comentário:
De ivoneboechat a 22 de Julho de 2013 às 20:37
Quero

Ivone Boechat (autora)

Quero
lavar meu rosto,
tirar as poeiras deste dia
para ver as belezas de amanhã.
Quero
sentir o gosto
e o prazer desta magia
de começar, tranqüilamente,
tudo de novo
como eu queria.
Quero
molhar meus pés
na lágrima do orvalho
para deixar no chão
marcas do que sou capaz.
Quero
amar o mundo,
estar, constantemente, em paz,
comer o pão do meu próprio sacrifício,
desafiar os mistérios do futuro.
Quero
me doar sem nenhum artifício,
no sentido mais profundo,
mais leal,
mais puro.

Ivone Boechat

Publicado no livro Amanhecer-3ª Ed Reproarte-RJ 2004


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 17 seguidores

.tags

. todas as tags

.Janeiro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.arquivos

. Janeiro 2008

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006